Publicidade de alimentos

30 jun

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) passará a regular a publicidade de alimentos com baixo teor nutricional e ricos em açúcar, gordura saturada ou trans, e sódio. A resolução foi publicada no Diário Oficial da União desta terça-feira, e visa proteger principalmente a saúde das crianças. Segundo a Anvisa, a nova regulamentação vai “coibir práticas excessivas que levem o público, em especial o público infantil, a padrões de consumo incompatíveis com a saúde e que violem seu direito à alimentação adequada”.

açúcar, sal e gordura viciam, mostra estudo americano

Também será regulada a publicidade de bebidas com com pouco teor nutritivo, entre elas os refrigerantes, os refrescos artificiais e as bebidas ou concentrados para o preparo de bebidas à base de xarope de guaraná ou groselha e chás prontos para o consumo. Isto inclui aquelas adicionadas de cafeína, taurina, glucoronolactona ou qualquer substância que atue como estimulante no sistema nervoso central.

Serão fiscalizados os alimentos que contenham mais de 15g de açúcar por 100g ou 7,5g por 100ml; 5g de gordura saturada por 100g ou 2,5g por 100ml; 0,6g de gordura trans por 100g; e 400mg de sódio por 100g ou 100ml. O regulamento não se aplica a aditivos alimentares e aos coadjuvantes de tecnologia. Também não interfere nos anúncios de frutas, verduras, legumes, sucos de frutas, sementes e nozes, carnes, leite, iogurte, queijo, óleos vegetais, azeite e óleo de peixe.

Uma resposta to “Publicidade de alimentos”

  1. Aimoré 01/07/2010 às 7:23 PM #

    Gosto de ir ao MacDonald, principalmente porquê é um óptimo sitio para levar as crianças.
    Enquanto elas brincam com o brinquedo do Hapymeal, eu e a minha mulher podemos ter um pouco de paz para conversarmos. Mas confesso que sinto que aquela comida não deve ser consumida por sistema, após salivar as misturas de batatas fritas com hamburguer, cola e gelado, o resultado final é um estômago dilatado ( sensação de estômago cheio e pesado ), sem falar que o sabor final, que levamos connosco é um sabor químico e desagradável.
    Ou seja: Saímos dali fartos mas não satisfeitos, vamos ali com a ilusão de que vamos ter prazer e satisfação e saímos pesados e iludidos, mas acabamos por esquecer e voltamos novamente.
    No fundo este é o poder da publicidade, que na maioria dos casos nos vendem um sonho e não vendem a satisfação real.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: