Novo presidente do STF, Ayres Britto defende papel legislador do Supremo

19 abr
O ministro tomou posso presidente do STF nesta quinta-feira. Foto: Carlos Humberto/STF/DivulgaçãoO ministro tomou posso presidente do STF nesta quinta-feira
Foto: Carlos Humberto/STF/Divulgação


GUSTAVO GANTOIS
Direto de Brasília
Ao som da cantora Daniela Mercury, o ministro Carlos Ayres Britto tomou posse nesta quinta-feira como presidente do Supremo Tribunal Federal (STF). Diante de um plenário lotado – foram distribuídos 2.000 convites -, Ayres Britto também empossou o ministro Joaquim Barbosa como vice-presidente da Suprema Corte. O novo presidente defendeu, em seu discurso de posse, o papel da Corte em legislar no lugar do Congresso Nacional. 

Relembrando casos rumorosos nos quais o STF acabou decidindo no lugar do Congresso Nacional, o novo presidente defendeu o papel do Supremo em questões polêmicas. Ayres Britto prometeu continuar defendendo a aplicação das leis, sempre pensando no bem da sociedade, ainda que possa resultar em uma relação mais complicada com o Legislativo.

“O Poder Judiciário é que detém o monopólio da interpretação e aplicação final do sistema de normas em que esse Direito consiste. É a definitiva âncora de cognição e aplicabilidade vinculativa do Direito, como uma espécie de luz no fim do túnel das nossas mais acirradas e até odientas confrontações. É o poder que não pode jamais perder a confiança da coletividade, sob pena de esgarçar o próprio tecido da coesão nacional”, disse o presidente.

Membro da Academia Brasileira de Letras Jurídicas e da Academia Sergipana de Letras, Ayres Britto tem publicados cinco livros de direito e seis de poesia. E ele utiliza do garbo dos cargos para rechear seus discursos. Durante a posse, fez questão de deixar claro que defenderá a Constituição em sua gestão, mas sempre com discrição.

“Constituição rima Erário com sacrário. Publicidade, como sinônimo perfeito de transparência ou visibilidade do poder. Como princípio de excomunhão à ruinosa cultura do biombo, da coxia, do bastidor. A silhueta da verdade só assenta em vestidos transparentes”, disse Ayres Britto.

Mas Ayres Britto reservou para sua mulher, Rita, a parte mais íntima do discurso de posse. “Por último, ponho meus olhos nos olhos de Rita, mulher com quem durmo e acordo, e que também é a mulher dos meus sonhos. Mulher a quem digo que tinha mesmo que ser abril o mês desta minha posse. Pois abril foi o mês em que nos conhecemos. O dia 9 foi a cereja do bolo. Rubra como a pele das manhãs ainda no talo das madrugadas. Doce como o gosto da minha vida, Rita, ao seu lado desde então”, versou o novo presidente do STF.

Entre os convidados da solenidade estavam a presidente Dilma Rousseff, o vice-presidente Michel Temer, a presidente do Senado em exercício, Marta Suplicy, ministros, governadores, parlamentares e autoridades.

2 Respostas to “Novo presidente do STF, Ayres Britto defende papel legislador do Supremo”

  1. carlos alberto de lyra vaz 21/04/2012 às 10:55 AM #

    a maior das injustiças está por vir, emanada da própria Justiça: Aposentar compulsoriamente Ayres Britto no auge de seu fulgor poético-jurídico,
    É tempo de rever a idade, agpra já tão precoce, deste descarte da inteligência, como se o país fosse pródigo na formação de tão ilustradas mentes.

  2. Danilo Sáavio Rocha Cavalcante 22/04/2012 às 7:52 PM #

    Que bom termos um poeta para decidir parte de nossas vidas, pelo visto com acentuada sensibilidade humana, que boa a rima do nosso Ministro, sacrário-erário, que bom seria que todos os que tem a chave dos cofres públicos respeitassem nosso povo.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: