Abandono de Incapaz

29 mar

Tipificado no artigo 133 do Código Penal.

- Histórico
– Pena – detenção: de 6 meses a 3 anos
– Infante
– Ação nuclear: abandonar (comportamento de desamparar, deixar só, afasta-se da pessoa que estava sob sua guarda, proteção, vigilância ou autoridade, permitindo que ela venha a correr os riscos do abandono, face à sua incapacidade de defesa)
– É uma situação de bem indisponível
– Não defende apenas crianças, mas idosos ou quaisquer pessoas que estejam desprovidas de consciência e não possam responder por seus atos ou agir sozinhas.
– Objeto: segurança
– Deve criar uma situação de perigo
– Ex: O tipo mais comum de abandono é deixar o incapaz em casa e sair para trabalhar. Entretanto, nestes casos, e dependendo das circunstâncias, pode haver a caracterização do crime de maus-tratos, previsto no artigo 136, também do Código Penal.
– Vinculação: só comete quem tem vinculação
– Dever -> decorre -> lei, contrato, fato
– Cuidado ≠ Guarda ≠ Autoridade
Cuidado: médico, enfermeira, babá, etc.
Guarda: pai, mãe, irmão, tio, tutor, etc.
Autoridade: policial, etc.

Classificação doutrinaria:
– Perigo concreto: pois o comportamento trouxe perigo para a vida ou saúde da vitima
– Crime próprio: pois o tipo penal aponta quem pode ser considerado sujeito ativo e sujeito passivo.
– Doloso
– De forma livre
– Comissivo ou omissivo impróprio
– Monossubjetivo
– Plurissubsistente
– Trausente
– Instantâneo
– É um fato temporal

- Sujeitos: Sujeito ativo somente pode ser aquele que tem obrigação legal ou contratual, está obrigado a cuidar da vitima, guardar, vigiar ou tê-la sob sua autoridade. Sujeito passivo é a pessoa que se encontra sob cuidados, guarda, vigilância ou autoridade.
– Tentativa: SIM.

- Elemento subjetivo: DOLO. Não se admite culpa.

- Formas qualificadoras: lesão grave e morte.

- Ação penal: Iniciativa Publica incondicionada

- Crime impossível:

- Garantidor -> Artigo 16 do CP – Arrependimento posterior

- Estado de necessidade: Aceito pelo STJ.

By: KPM.

About these ads

92 Respostas to “Abandono de Incapaz”

  1. luciane 10/04/2011 at 7:38 PM #

    Gostaria de uma orientação ,trabalho numa creche as mães se atrasam na hora de buscar o filho, no máximo meia hora. Isto é abandono de incapaz?
    Outro fato, uma criança teve febre muito alta, não consegui localizar ninguém da família,a mãe deixou 3 telefones de contato, corri para o pronto socorro com a criança. A diretora acusou esta mãe de abandono de incapaz, isto confere?
    Muito obrigada

    • luciane 10/04/2011 at 7:40 PM #

      Gostaria de uma orientação ,trabalho numa creche as mães se atrasam na hora de buscar o filho, no máximo meia hora. Isto é abandono de incapaz?
      Outro fato, uma criança teve febre muito alta, não consegui localizar ninguém da família,a mãe deixou 3 telefones de contato, corri para o pronto socorro com a criança. A diretora acusou esta mãe de abandono de incapaz, isto confere?
      Muito obrigada Gostaria que a resposta fosse para o meu e-mail.

      • layanne patricia desouza 16/09/2011 at 9:12 AM #

        talvez a mae da criança esta resolvendo algun assunto pessoal.e a diretora deveria saber o que aconteceu com a mae da criança antes de acusar a mae.

        • critina paula 30/08/2013 at 12:56 PM #

          mesmo que a mãe esteja, resolvendo algum problema, ela tem o direito de avisar a creche, que ira atrazar na busca da criança.

        • David da Silva Santos. 23/01/2014 at 5:23 PM #

          Layanne

          Então se a mãe for numa boate e avisar pode abandonar visto que avisou? Não existe justificativa para não cumprir com a obrigação.

          Sinto uma maldade imensa nas mães que abandonam as crianças em escolas sob o pretexto de trabalhar. Mas isso é opinião minha, já a obrigação com os filhos não, tem que ir buscá-los na escola e depois ir resolver assunto pessoal ou outro qualquer.

    • luciano estudante de Direito 5º periodo 31/03/2012 at 3:14 PM #

      Não, anonimo sinto em informar que a responsabilidade desta criança passou a ser da creche; no caso vertente analisemos o paragrafo 2º do art. 13 CP, a omissão é penalmente relevante quando o omitente podia agir para evitar o resultado. o dever de agir incumbe a quem;
      a) tenha por lei a obrigação de cuidado, proteção ou vigilãncia;
      neste caso o dever de proteção e vigilância passou da creche.

    • Márcia Gaspar 22/11/2012 at 3:22 PM #

      Deixar o filho durante muito tempo na rua o dia inteiro todos os dias,
      mesmo a mãe estando en casa se caraquiteriza abandono de incapaz

    • Greydson 23/10/2013 at 11:44 AM #

      Não configura abandono de Incapaz, pois a mãe deixou o filho sob os cuidados da creche, não ficando o incapaz desassistido, neste caso a responsabilidade sobre a segurança da criança é da instituição que por convenção ou contrato aceitou cuidar da criança.

  2. daniele 27/05/2011 at 1:05 PM #

    gostaria de uma orientação, deixei minha filha dormindo durande alguns minutos e fui comprar um remédio duas ruas depois de minha casa, quando cheguei em casa um vizinho já tinha arronbado minha porta e tirado minha filha de dentro de casa,porque ela estava chorando,esse caso pode ser abandono de incapaz? obrigado

    • vera lucia miranda 14/03/2013 at 9:27 PM #

      se a criança for menor de 11 anos de idade sim,pois ela se encontrava trancada e sozinha!

  3. Felipe Gustavo 28/07/2011 at 9:10 AM #

    Um bebe deixado aos cuidados de um adolecente configura abandono de incapaz ?

  4. cristiane 10/08/2011 at 10:50 AM #

    sou separada e dixei as 2 filhas com o meu ex marido mas a guarda ta com migo isso e abandono de incapaz?

    • David da Silva Santos. 23/01/2014 at 5:30 PM #

      Cristiane

      A guarda dos filhos não exime o pai legal de cuidar das crianças. Eu não sou advogado, mas pago pensão de um menino que hoje tem 11 anos. Sei que na falta tua ele é o primeiro quem deve ser procurado e só não ficará com as crianças se não quiser, não puder por força maior como uso de drogas por exemplo ou incapaz fisicamente, ou trabalho fora e coisas do tipo.

      Mas tem a obrigação de cuidar dos filhos e você deve deixá-los com ele caso não possa cuidar ou tiver que sair até para ir na esquina se possível for.

      Na verdade isso não é abandono, mas cuidado correto. Se ele não for um viciado em drogas ou álcool ou ter histórico policial de violência.

      Agora, o cara cuida também pagando pensão, a pensão é da criança e o bom senso diz que se você não precisar do dinheiro então guarda no banco para as crianças quando crescerem estudar.

  5. Thaís 22/09/2011 at 2:52 PM #

    Oie , meu nome é Thais , tenho 16 anos, minha mãe ela nunca foi de conversar da atenção pra mim , nesses tempo ela me espulso de casa, graças a deus eu estou trabalhando, mais eu presiso abrir a conta no banco pra pegar meu pagamento, porém ela não quer assinar, ela disse que não ia assinar NADA , absolutamente NADA , isso é abandono de incapaz?

    • karolina 11/10/2011 at 11:29 PM #

      se ela te expulsou sem nda ( moradia ou forma de proprio sustento) é sim pois ela te abandonou incapaz de se manter sozinha.

  6. Joelma Freitas 13/10/2011 at 11:17 AM #

    Minha cunhada e meu irmão sempre sai de casa e vai para um bar beber e deixa minha sobrinha de um ano e seis meses e o irmão dela de sete anos sozinhos em casa o dia todo.Tenho medo de denunciar e minha mãe não conseguir a guarda da minha sobrinha,isso pode acontecer??
    Pensei em fazer uma denuncia anonima,isso é possivel?? E se eu fizer é certo que a guarda vem pra minha mãe?
    (gostaria qua mandassem a resposta para o meu e-mail)obrigado

  7. sandra maria alves de sousa 19/10/2011 at 4:09 PM #

    Minha filha trabalha viajando para Europa, e também pelo o Brasil, geralmente de dois e dois meses ela vai a Europa e passa de 15 a 20 dias fora. Tem duas filhas bebês, uma de 9 meses e outra de 2 anos. Ficam com duas empregadas, uma se diz baba a outra toma de conta da casa.A mais velha ja fala de tudo, a criança sofre com ausência da mãe e durante o sono a noite ela revela tudo o que acontece durante o dia. Se bate, chora, grita, tira a fralda, diz que tá doendo a cabeça, enfim. Fiquei apavorada no dia em que dormi com ela. Quando falo isso para a mãe diz que é normal, que isso é da criança. Na minha opnião acho que essa baba esta mal tratando essas crianças. O que devo fazer para que essa mãe tome uma providencia. E se isso é abandono de incapaz.

  8. Jansline 30/10/2011 at 11:14 AM #

    Gosteria de uma ajuda para resolver um caso da faculdade…
    Uma mulher esta com câncer, deixou uma carta que declarava que ela só queria receber tratamentos com tecnicas de medicina alternativa, este documento foi registrado em cartório e estava em poder do advogado dela.
    Seu marido descobriu o caso, e alegou que ela deveria se tratar, pois tinha 2 filhos menores. Com base em que posso me defender o marido desta mulher????

  9. Jair - Jajá 12/11/2011 at 6:13 PM #

    Tenho uma situação que me considero gravissima e gostaria de uma informação.
    Meu vizinho trabalha em serviços tecnicos atendendo zona rural, ele tem um filho totalmente dependente ( Autista ) e mãe o deixa sozinho trancado em casa, para frequentar bares e boite noturnas, e nem avisa o pai da criança, ele as vezes fica até 3 dias trabalhando fora, toda nossa vizinhança é testumnha do fato, o que devo fazer? ele pode se cortar, tomar choque, ou até morrer, pois o mesmo nao tem noção de nada, nada.

    • Roberto 14/01/2013 at 7:49 PM #

      Denuncia esta pilantra, o cara trabalhando e ela pra vagabundagem, so denunciar pro conselho tutelar

    • David da Silva Santos. 23/01/2014 at 5:32 PM #

      Jair

      Você já sabe a resposta. É denunciar sem ficar matutando muito.

  10. rosemary gunha duarte 23/11/2011 at 12:39 PM #

    oi tenho uma duvida meu esposo tem um filho ea tempos sabemos que a criança ficava em casa sozinha, então começamos a monitorar a criança principalmente nos fins de semana, ai chegamos a certeza que realemnte o menor de 10 anos de idade ficava sozinho em casa, acionamos o conselho e as duas horas da manha pra amanhecer um domingo flagramos o menino sozinho… a mae foi notificada queria saber se isso se enquadra como um delito grave pois meu esposo quer a guarda do filho, quakl os procedimentos agora a serem tomados

  11. dheiverson 09/12/2011 at 8:45 AM #

    eu tenho uma pergunta: eu após ter feito a mminha filha dormi após ter chego do trabalho a noite eu sair para compra um lanche para mmi poximo de casa e enquanto eu estava no lanche meu irmão entrou na minha casa sem permissão e pegou a minha filha e levou para casa da mãe dos filhos dele e não me avisou nem antes e depois que à levou e depois ele deu parte de mim por abono de incapazsendo e quer tommar a guarda dela, mas eu não abandonei a minha filha, quais medidas eu devo tomar nessa situação? ele pode ser indiciador por sequestro? por ter levado a minha filha sem permissão e sem avisar e ter passado horas com ela enquanto eu andava com a policia atras da minha filha durante horas? aguardo uma resposta urgente de como de proceder !

  12. luana 08/01/2012 at 11:09 PM #

    Gostaria de saber como faço para pegar a guarda do meu sobrinho
    pois a mãe dele foi embora para Bahia e o pai não quer saber do filho mas a mãe deixou um papel que esta deixando os filhos com a avo pois o papel foi autenticado qual a providencia que posso tomar

  13. Ana Aline 18/01/2012 at 11:48 PM #

    oi meu nome é Ana Aline tenho 17 anos mais sou emancipada tambem tenho um bebe de 9 meses estou separada,moro no mesmo terreno que minha mae só que em casa separada…ela me mandou embora com meu bebe…e me deu até o fim de semana para sair da casa só que eu nao trabalho e nao tenho para onde ir..isso é abandono de incapaz??e o que eu devo fazer??

    • adriana 21/01/2014 at 5:51 PM #

      São absolutamente incapazes menores de 16 anos, vc seria enquadrada nos relativamente incapazes, porém, cessou sua incapacidade relativa no momento de sua emancipação.

  14. Tatiane 22/01/2012 at 1:55 AM #

    Ola, Gostaria de saber se no caso a guarda de uma crianca pertencer ao pai e ele constituir familia nao leva-la consigoe deixa-la na casa de parentes pode ser considerado abandono de incapaz?
    Obrigada

  15. Maricarmen 23/01/2012 at 9:41 AM #

    Gostaria de saber se pode ser caracterizado abandono de incapaz uma mãe deixar uma criança de quatro anos aos cuidados de uma idosa de setenta e sete que não é parente.

    • Maricarmen 23/01/2012 at 3:45 PM #

      A mãe que larga uma criança de quatro anos com uma idosa de setenta e sete (que vive sozinha e não é da familia dela) durante semanas sem aparecer pode ser acusada de abandono de incapaz? Gostaria que fosse mandada a resposta para meu email, se possivel. Muito obrigado.

  16. Dominique 30/01/2012 at 2:51 PM #

    Olá, aos 3 anos minha tutela foi dada a minha avó paterna e minha guarda preservada a meu pai, aos 4 fui pega na rua pelos meninos da visinhança (3 ou 4, pelo trauma não preservei tão fiel minhas lembranças) que inseriram na minha vagina e em meu ânus gravetos e galhos. Comuniquei à minha avó “que doia”, esta me levou ao médico que me questionou sobre o ocorrido. Apresentei perante os dois o fato. O médico receitou-me banho de assento para combater a infecção e tomou por um acidente, mas, orientou minha avó para que não se repetisse. Com o intento expresso de meu pai não perder minha guarda minha avó (tbm para não perder minha tutela) tomou por providência me culpabilizar, amedrontar e silenciar. Em decorrência, outros meninos (11 ou 12 no total dos anos que descrevo), posto em conhecimento pelos anteriores, me ameaçavam e chantageavam, sucessivamente, para que eu fosse o “brinquedo” como fura por anos; até que aos 10 anos quando durmia na casa de uma ex visinha (mãe de um dos primeiros) e amiga da família. Acordei com o zíper da bermuda aberto e com sangramento. Só, então, pude entender que tudo que me acontecera até aí não havia nunca estado sobre domínio de minha responsabilidade. Outra vez comuniquei à minha avó, que outra vez me levou ao médico (não me lembro se o mesmo, provavelmente não) este, apenas receitou-me outro banho de assento desta vez para reconstituição do hímen (descrito do tipo “complacente” o que explicava a existência de um ainda). Nada fora recomendado à minha avó, pelo menos, não na minha presença. Com o dissernimento necessário, a questionei à respeito de providências. Para meu desespero sua resposta fora algo sobre o que eu queria que ela fizesse, se eu sempre fora “terrível” ela que não estragaria a duradoura amizade com Dna. Zoraide*, avó do último garoto, por minha causa (8 ou 9 dos garotos eram das redes de amizade de minha avó – apenas 3 escolares, geralmente, os abusos me ocorriam quando levada por ela às suas casas, quando eles não eram trazidos em casa para “brincar” comigo). Minha avó fora professora por toda a vida e hoje já não consigo me forçar a crer que ela não sabia o que realmente se passava. Os anos descritos foram intercalados por grandes crises de depressão, para a qual nada fora feito senão me levar para “brincar” ou trazer-me “amiguinhos”. Aos finais de semana era visitada, de forma intercalada, por meu pai (prof. acadêmico) e minha mãe (empregada doméstica). Levada a acreditar que o que me ocerria não era nada senão consequência de meus próprios atos, bem como, de que naquela casa (de alta classe média) era o melhor lugar encontrado para estar, que não há no mundo pessoa que me “ame” mais que minha avó (o que tenho de ouvir até hoje e se não retribuo nas devidas [des]proporções sou inquirida por todos a respeito de minha “ingratidão”) e condições financeiras e educacionais melhores para mim não haveriam tentava conciliar os traumas, os laços afetivos com a capacidade de raciocínio que tinha. Sem poder comunicar aos outros ou acreditando não poder, por não ser “o melhor pra mim”, medo, ou vergonha, sentia-me abandonada a própria sorte a cada partida de meus pais e completamente ignorada a cada pedido simbólico por socorro – cheguei eu mesma aos 5 anos colocar um palitinho (parte de um dos meus brinquedos) no bumbum e aguardar meu avô chegar do trabalho. Este também não só não tomou providência alguma como passou a ter dificuldades em conviver na minha presença: atacava-me verbalmente sob o menor encômodo, por vezes fora contido por minha avó de atacar-me fisicamente e, quando todos estamos na casa de meu pai, me despreza de forma expressiva e notória por todos, inconscientemente ou não até hoje, creio que como quem diz “fica/cuida dessa criatura”. A partir do ocorrido aos 10 anos, para findar por conta própria os abusos fui tomando formas e punhos de menino, optei por ser tida como “sapatão” à “boneca”. Assim, os anos se passaram, tenho hoje 25 anos, me graduo em renomada universidade pública. Aparentemente, os fatos ocorridos na minha infância podem adquirir forma de surrealidade. No entanto, emocionalmente tenho-me por completo fracasso. A ponto de aplicar-me auto-flagelamento com pequenas feridas na pele que se extendem por todo meu corpo, cujo diagnóstico limita-se à “ansiedade” (para me formar, no diagnóstico paterno). Todas as vezes que ensaio um relacionamento (abandonado o gênero masculino) logo após o primeiro contato sexual dou término pelas impressões antigas revividas. Meus avós que “esqueceram” do ocorrido também me fazem reviver os traumas, que fora de minha capacidade emocional, ao invés de diminuírem com o passar dos anos, muito se agravaram. Meus pais que desconhecedores (ou não, nesse caso, enganada fora eu), ao invés, de ao menos não agravar a situação, exigem de mim a normalidade da qual estou incapacitada. Todas as vezes que busco o afastamento sou exigida à permanecer como estou revivendo os conflitos e formas de convivências que muitas tensões me causam. Como posso me ajudar? Ainda duelo entre os laços afetivos familiares e todo o peso de mantê-los. Como os fatos não foram revelados a todos que por direito deveriam ser, apenas as comunicações subjetivas se desenvolveram e por estas, meu pai (mantenedor financeiro), dificulta as soluções que arranjo para me livrar da situação. Aos 17 anos me obrigou a abandonar um curso, no último ano, que já muito bem me habilitaria ao mercado de trabalho, nos primeiros dias deste ano, me impediu de aceitar um emprego em outro estado. Suponho que por não ter tido clareza, apenas, percepções das verdadeiras condições de minha vida têm há quase 10 anos prorrogado minha total independência (com exceção da afetiva que ao contrário de desconstruir os laços gostaria de poder fazê-los mais dignos, conscientes e responsáveis, pois exatamente por eles que receio ainda hoje tomar iniciativas extremas). Mas todas as vezes que consigo condições de vida mais saudáveis sou chantageada emocionalmente, quando a financeira já não me importa, pelo “direito” de meu pai. Quando ainda sou incapaz de compreender os limites com que foi e tem me falhado com suas “obrigações” e “deveres” como tal.

    Psicólogos, assistentes sociais, advogados, juízes, ou apenas pessoas em melhores condições de dissenir certo/errado do que eu, me aconselhem a respeito do que posso fazer, por favor. (e-mail: dominiquegonzales28@gmail.com)

    • VAL 12/08/2012 at 10:29 PM #

      Sinto talvez não ser o mais adequado a te deixar umas poucas palavras a respeito, mas sinto-me complacente contigo pois tenho cá meus motivos os quais não pretendo revelá-los (não aqui). Acredito eu que o fato de talvez você nunca ter brigado e talvez jogado na cara de seus tutores os fatos ocorridos naquela época a torna mais sensível e amarrada ao passado. Talvez seja hora de se libertar de tudo isso e tentar uma vida nova por que não em outro lugar longe de tudo que a faz lembrar o passado e atormentar o presente (inclusive seus pais). Na vida levamos tempo para tomar certas decisões e quando a tomamos pensamos “porque não fiz isso antes?” porém, também acontece de nos arrependermos e ficar a dúvida “porque fui fazer isso”, mas no seu caso creio que não perderá muito por tentar fazer da tua vida uma história diferente. Pense na possibilidade de ‘chutar o pau da barraca’ não sei mas no seu lugar creio eu que faria isso. Acredito que procurar uma psicóloga para um tratamento adicional será uma boa opção. UM forte abraço e boa sorte.

    • Cris Gomes de Souza 05/04/2014 at 11:47 PM #

      dominiqui, passei por muitas coisas dificeis, e procurei um psicologo em uma igreja consegui dar a volta por sima, graças a Deus em primeiro lugar , e a ela que me ajudou;Deus é contigo, acredite;

  17. viviane nascimento 01/02/2012 at 11:07 PM #

    ola eu deixei meu filho dormindo em casa por volta das 00hrs e fui buscar o lanche demorou um pouco +ou- 30min neste tempo ele acordou e pulou a janela e foi pra rua pessoas virao chamarao a policia e o conselho levou compareci de imediato na delegacia mas nao pude pega-lo ja faz 2 dias que esta no abrigo e estou desesperada em te-lo de volta o conselho mandou eu arumar um advogado masnao esta ainda no ministerio publico e nen no forum e o que devo fazer para restituir a criança novamente no encaminhamento do conselho pra oab esta constentaçao de destituiçao do poder familiar mas qual o tramiti mas rapido para que ele possa voltar pra casa .estou desesperada aguardo no email

  18. Marcos Mitestainer 02/02/2012 at 6:00 PM #

    Boa Tarde tenho 2 filhos do meu relacionamento com uma mulher,ao qual ja tinha um filho anterior, mora com ela e filho dela de 13 anos e minha filha de 7anos ela sai para trabalhar e deixa os dois a sos ate a chegada da mãe dela 1 hora depois ,ou eles acordam e tem que ir ate a casa da avo que são uns 5 quarteirões, isto e abandono de incapaz e como posso pedir a guarda da minha filha pois o filho do meio ja mora comigo.

  19. Andriely 06/02/2012 at 12:05 PM #

    Oi sou mãe tenho 21 anos e tenho um filho de 03 anos vim mudei de cidade para tentar arrumar emprego e arrumar minha vida só que não trouxe meu filho deixei ele com minha mãe mais sempre que tenho dinheiro mando pra ele como se fosse pensão e ligo todos os dias para saber como ele esta mais só que agora o pai dele quer tomar ele de mim ele tem o direito de tirar a criança de mim.?E isso que fiz é abandono de incapaz.Mais assim que eu me ajeitar eu trarei ele para morar comigo é só uma questão de tempo.

  20. alexandro barbosa 08/03/2012 at 6:21 PM #

    Eu e minha esposa trabalhamos, deixamos nosso filho de 1ano e oito meses na creche Municipal pela manhã, que fica perto de onde moramos. Entre 7:00hs e 7:30h. às as vezes com um atraso 5 ou 10 minutos.
    Na saída que é marcada entre às 16:30hs e 17:hs. Aconteceram por duas vezes um atraso, uma vez comigo e outra com minha mãe que é quem o pega na saída, um atraso comigo 10minutos e minha mãe não chegou a 20 minutos sendo até um pouco exagerado nos atrasos.
    Todas as vezes que ligaram da creche para irmos busca-lo, ou por motivo de febre ou porque acabou a água, fomos busca-lo. Hora minhã mãe, hora minha esposa, hora eu, fomos busca-lo.
    Neste dia de hoje 08/03/2012. A diretora da creche ligou para a minha esposa por volta das 17:10hs mais ou menos, não muito mais que isso. Dizendo que até a devida hora, não havia ninguém ido buscar meu filho, e dizendo ainda que isso era abandono de incapaz.
    Por favor esclareça-me este fato. Serei muito grato. Pois nenhuma das pessoa citadas da minha família. Jamais teve a intenção de abandonar um incapaz, além do mais sendo quem é.
    E gostaria de saber ainda se existe alguma tolerância. E quanto ao horário do funcionamento de uma creche dentro de uma comunidade ou não.
    Desde já agradeço imensamente.

    ALEXANDRO BARBOSA

  21. jaicy 12/03/2012 at 7:21 PM #

    tenho uma cunhada que larga seus dois filhos pequenos pra sair bagunçar ,e pra trabalhar ,o que fazer nesse caso?

    • Roberto 14/01/2013 at 7:44 PM #

      Denuncie, isso é crime, ainda mais se for pra vagabundagem

  22. Jéssica Rodrigues 26/03/2012 at 12:18 PM #

    Olá tenho 17 anos de idade e moro com meus pais , tenho 2 irmãs com idade de 07 e 10 anos, Os meus pais trabalham e então cuido delas pra minha mãe poder ir trabalhar.Mas o meu pai não quer que eu fique em casa e me diz coisas horríveis, e depois da ultima briga que tivemos ele decidiu me largar de vez, ele cortou meu Convênio Medico, Não pagou mais meu curso e não compra mas as coisas que preciso.
    Não sei o que fazer , ele diz que eu não sou mais filha dele e que não se importa comigo, ele disse que eu vou ter que me virar sozinha… Mas não posso trabalhar por causa das minha irmãs.O que isso seria?

    • jakelyne 01/09/2012 at 2:09 PM #

      oque foi que aconteceu com vxs..?

    • Cris Gomes de Souza 05/04/2014 at 11:56 PM #

      acredite ele pode estar te ajudando â crescer. vc pode só estar com ciumis de suas irmãs que é normal.

  23. pitamar nascimento santos 05/04/2012 at 9:17 PM #

    tudo passa

  24. MEG 10/04/2012 at 8:12 PM #

    Boa noite, gostaria que vcs me tirassem uma duvida a guarda do meu filho foi decidida judicialmente para que ficasse com meu ex mariro sé que ele nunca cumpriu…agora decidi que ele deveria ficar com o pai dele,mais o mesmo se recusou.o que eu faço não tenho condições de ficar com ele pois moror com meus pais idosos e ele não respeita eles, ele rtem um temperamento fortíssimo…grata

  25. nenesio ramos 19/04/2012 at 2:48 AM #

    pais que nao comparecem e nem dao satisfaçao de sua participaçao no acompanhamento pedagogico .Isto pode der abandono?

    • nenesio ramos 19/04/2012 at 2:49 AM #

      preciso urgrntemente de resposta.

  26. maria 22/04/2012 at 11:15 AM #

    oi , gostaria de tirar uma duvida sou divorciada a mais de 4 anos, a guarda do meu filho de 14 anos esta comigo, e nas ferias no final do ano mandei meu filho passar com os avos no interior como de costume, e entre esse tempo eu fui para fora do país, e meu ex fala que vai entrar com advogado, que eu deixei ele abandonado e usa isso tambem por ciumes , gostaria de saber se posso perder a guarda dele
    obrigada

  27. Rosana Monteiro de areda 29/05/2012 at 1:38 PM #

    Olá,tenho uma avó que tem 80 anos e mora só em sua casa.A casa dela é perto da casa da minha mãe que é aposentada e cuida do meu sobrinho de 12 anos.Ultimamente minha avó esta um pouco debilitada e levou duas quedas em sua casa,minha mãe ajudou,levou no hospital e ela recebeu os medicamentos necessario.A minha mãe tem problemas psicologicos e tem até um laudo medico por causa dessa doença dela.Minha vó tem outros filhos mais ela odeia eles e a unica qua ainda ajuda ela é minha mãe.A alguns dias minha vó fica fazendo pressão psicologica em minha mãe,dissendo que os vizinhos podem denucia-lá para a policia por abandonno de incapaz ao conselho do idoso.Eu e minhas irmãs estamos preocupada se pode acontecer de minha mãe ser pressa ?

  28. marcelo rodriques de jesus 05/06/2012 at 12:44 AM #

    ola tbém,queria saber uma coisa,ouve separação da minha mulher por causa da minha sogra,a minha sogra ja deixou o trauma pra própria filha quanto era pequena,a mãe abadonou a sua filha que é minha ex mulher com 5 anos de idade e so voltou ver a menina com 15 anos,agora a minha filha de 1 ano e 5 meses,esta sofrendo a mesma coisa sem saber esse anjo. a minha ex mulher caiu na labia da mãe dela,hj minha filha esta ficando mais com a sogra que mora atrás do que com a mãe,a minha ex mulher fica add homens em facebook direto e deixando minha filha de lado,e agora a sogra é que esta ficando mais com minha filha,pra agradar a sua propria filha e fazer coisas erradas em facebook,alias foi por causa da sogra que ela abriu essa merda de facebook,sou dj e minha ex mulher viu que eu tirei uma foto com dj famoso que faz parte da minha profissão,até então ela me conheceu nessa vida,mais a sogra disse que estava numa zona,mais na foto tem a logo de uma danceteria aonde eu toco as vezes,mais o que me preocupa é minha filha e o trauma que a minha filha esta vivendo da mesma forma que a mãe fez com a filha,mais a minha filha tem apenas 1 ano e 5 meses. o que devo fazer podem me ajudar obrigado amo minha filha e nunca deixei falta nada pra ela. e outra a gente ficou 5 anos morando juntos, e depois os avós que criaram a minha ex mulher,foi o que fez nosso casamento,até então a unica que não compareceu em nosso casamento foi a propria mae. e agora minha filha para mais com esta pessoa o que devo fazer eu sou pai e queria que alquem me ajuda se pelo amor de deus.

  29. pitamar nascimento santos 17/06/2012 at 11:07 PM #

    unificar pensamentos.,???#@!

  30. rogerio 04/07/2012 at 7:13 PM #

    eu to com uma duvida tenho uma filha com a minha ex mulher e ela ficou braba com migo por eu nao te ficado com ela num fim de semana mas sendo que eu fico com ela todos os fds e no fim de semana passado nao fiquei com ela pois tinha compromisso e na segunda feira a minha ex chegou na minha casa e deixou a minha filha e as roupas dela comigo na minha casa e agora ela simplismente busca a minha filha e leva ela para a minha casa para eu ficar com ela, isso por um acaso seria abandono de incapaz ?

  31. Daniele Maciel 05/07/2012 at 5:50 PM #

    Gostaria de saber o que se caracteriza os pais usarem crack juntos dentro de casa com cinco filhos,todos menores de idade.Qual crime isso se encaixa?como denuncio?
    Sem contar que as criancas ficam jogas na rua e tem dias que ate sem comida.
    Os pais vedem tudo para comprar drogas.

    Att

    • Cléia 18/08/2012 at 2:41 PM #

      Eles não tem nenhuma condições nenhuma de cuidar dessas crianças,infelizmente teriam que ser denunciados ao conselho tutelar,pelo menos tenho a certeza de que vão se alimentar e estudar…

  32. geissy 08/07/2012 at 8:30 PM #

    olá! conheço uma pessoa que sai para trabalhar e deixa duas meninas sozinhas. uma de 10 anos e outra de 5 anos. elas tem que arrumar a casa e depois de deixar pronto a mais velha de 10 anos vai com a mais nova para a casa da avó que mora em um bairro perigoso. a mãe só volta as 20hs e as meninas voltam para casa sozinhas novamente. a mãe tem a guarda provisória, mas o pai das garotas tem como cuidar delas. Mas a mãe delas não quer dar a guarda para ele. a respeito dela deixar as crianças o dia todo só é considerado abandono de incapaz????????

    • Kati nascimento 20/07/2012 at 10:36 AM #

      As pessoas gostam de cuidar da vida das outras mas nao se propoe a ajuadar existem casos e casos no caso de observar tanto que horas sai ou entra as pessosas da casa significa que o tempo dela ta sobrando ai deveria existir uma pena para gente que atrapalha a vida dos outros se abrissem uma creche para desocupados teriamos menos julgadores e sim trabalhadores

      • Cléia 18/08/2012 at 2:19 PM #

        Gostei Kati,é isso mesmo!porém existe casos e casos por ex maltratos á menores,existem situações que indiretamente calsam muito mal as crianças,mas existem outros,que a mãe precisa trabalhar e se for pagar alguém é complicado,infelizmente somos pobres não temos luxo,então em vez de algumas pessoas criticarem porque não tentam ajudar,dse sabem o hor´rio de saída e chegada das pessoas é porque não tem o que fazer,mas quem procura com certeza vai achar…

      • Cléia 18/08/2012 at 2:22 PM #

        Desculpem o causam com L…rs

    • Cléia 18/08/2012 at 2:35 PM #

      Olá Geissy se o pai das garotas tem condições!ele deveria ajudar as filhas pagando alguém para ao menos acompanhá-las,não precisa ter guarda para proteger as ~filhas dele, e ele não me parece tão preocupado quanto vc!….

  33. Vivian de miranda 20/07/2012 at 3:30 PM #

    Oi! Tenho uma conhecida que tem 2 filhas,uma de 12 e de 10 anos.ela e vigilante trabalha em banco.deixa elas em casa sozinhas elas estudam d manhã, a tarde ficam em casa ou vão pra casa da avó elas não ficam trancadas, não passam fome,não são mau tratas, a mãe tem que trabalhar mas não tem com quem deixa-las e nem condições de pagar alguem pra tomar conta,ela paga aluguel e etc… Isso e abandono?

  34. Adryanna 11/08/2012 at 11:58 AM #

    Oi! Eu tenho 2 filhos uma de 4 anos e outro de 1 ano e 3 meses, nunca tinha feito isso, toda vez q saia sempre deixei eles com uma babá, so que no dia 09-08-2012, não tinha ninguem para deixar meus filhos, foi quando eu tomei a pior decisão da minha vida deixei eles szinhos, eu sai a 00:30 e retornei as 3:30 da madrugada, voltei cedo por estar com medo de deixar eles sozinhos em casa, e quando cheguei em casa, eu encontrei com policiais q ja me abordaram me dizendo q meus filhos tinha sido levados pelo o conselho tutelar, e q estava sendo pressa em fragrante por abandono de incapaz, fui pressa e paguei fiança, e vou aguarda o processo em liberdade. O que eu posso fazer, meu ex marido pegou meus 2 filhos, e entrou com quarda provissoria, e também não quer deixar + eu ver eles. Sei que o que fiz não tem perdão, e que me arrenpendo com toda minha alma, mas não imagino minha vida sem meus filhos. Gostaria muito que alguem pudece me ajudar, e para piorar meu ex marido esta pedindo q eu saia da casa, na qual ele abandonou a 8 meses, o que eu faso como eu devo proceder …

  35. Eduarda 11/08/2012 at 6:38 PM #

    Conheco uma mae e um pai que abandonaram a crianca desde quando ela tinha 2meses na casa de uma outra familia e sumiu apareceu uma vez ou outra mais nunca deu nd a crinca a mae e doente o pai drogado quando ela perde o direito sobre essa crianca :?

    • Cléia 18/08/2012 at 2:24 PM #

      Qdo alguém resolver denunciar ao conselho tutelar!

  36. Cléia 18/08/2012 at 2:21 PM #

    DESCUPE O CAUSAM COM L…rs

  37. Karol Lisboa 13/09/2012 at 6:10 AM #

    ooi meu nome eh Karol tenho 15 anos, minha mae me expulsou de casa, o meu namorado me levou pra casa dele, estou la á 6 meses e meio, e agora a gente ta terminando e eu n tenho pra onde ir.
    oke eu devo fazer nesse caso?
    ja estou encaminhada para a fundaçao criança, e ja fui ate uma delegacia proximo a resindencia, mais nada resolvido ate agora.

  38. valentina 24/10/2012 at 8:16 PM #

    Gostaria de uma ajuda eu tenho uma vizinha q sempre deixa seu filho sozinho em casa. quando ela tá de folga ela sai cedo e ele fica sozinho ele só tem seis anos. e quando ela está em casa ele vê um monte de homem entrando e saindo o dia todo gostaria de uma ajuda ele é um menino muito triste por essa situaçao.

  39. dani 30/10/2012 at 9:26 AM #

    Bom dia, sou técnica de enfermagem e cuido de um paciente que tem Esclerose lateral Aminiotrófica, porem faz mais de um mês que a família não vai visita-lo e não leva as medicações para mesmo. O paciente já está debilitado, nós da equipe de enfermagem e equipe médica estamos fazendo de tudo para contatar a familiar , mas a mesma não aparece na clínica. Gostaria de saber se isso é abandono por parte da família e onde eu posso fazer uma denuncia anonima. Moro em Campinas SP.
    desde já agradeço a atenção.

  40. valmatos 08/11/2012 at 7:10 PM #

    Boa noite tenho muitas duvidas tenho duas irmãs gemeas marta e marcia que moram em uma casa uma no comodo da frente outra no comodo de atraz as duas usa drogas[cocaina e maconha ]a marcia tem dois filhos uma menina de 1 ano que mora com um primo nosso desde que nasceu e um menino de 5 anos que no momento esta no casa de acolhimento vou explicar porque ,o menino foi vitima de abuso por um vizinho de mãe dele um homen de 50 anos,a ma~e que é a marcia descobriu denunciou o casa a policia e o homen foi preso passou 7 dias o homen foi solto e voltou pra casa ,no forum a marcia falou que usava cocaina,o forum mandou que ela se mudasse de casa ,ela foi mandada embora do serviço ja estava alugando uma casa foi chamada no forum e o menino foi mandado para casa de acolhimento ela esta desesperada ja vai se mudar ,esta fazendo tratamento no caps para ,parar de usar drogas,quero saber pelo amor de deus ela tem como pedir o filho de volta é preciso de advogado?fui no forum a psicologa me acusou de cuplici disse que eu podia ser presa poi eu sabia de tudo e não fiz nada,eu disse que eles que devia ter mantido o estuprador preso,mas ela é muito grosso.bem oque fazer para minha irmã ter o menino de vollta ele chora tanto no dia das vizita que é aos sabados me ajudem

  41. MARIA GORETI LUIZ DOS ANJOS 15/11/2012 at 6:31 PM #

    Fui abandonada pelo esposo sozinha dentro de casa,pq a familia dele tirou ele a força de dentro de casa, e nem a policia fez nada, fiquei dois dias sozinha e ameçada pelo primo dele que nao aceita nosso casamento desde o inicio, sou casada há 4 anos e tenho problemas de depressão CID.032 , tomo remédios controlados e faço acompanhamento psicológico,minha familia com isso foi me buscar pq eu morava em outro estado, e nao tinha ninguem da minha familia para me amparar legalmente, pq o primo dele bloqueou o cartão do banco que se encontrava comigo, eles levaram meu esposo sem documentos nenhum para a cidade de Curitiba-PR, e nós moravamos em Campo Largo-PR, e minha familia é dO SUL DE SC.Isso é causa de abandono de incapaz, pois sofro de sindrome de panico, sou bipolar e na ocasião estava grávida nas trompas, com toda essa confusão tive um aborto,pois fiz exames de sangue e deu negativo,mas na verdade eu estava de quase 3 meses., que devo fazer? favor me enviar a resposta via email.

    • MARIA GORETI LUIZ DOS ANJOS 29/03/2013 at 2:27 PM #

      estou esperando uma resposta urgente.

  42. Giselle Dantas 23/11/2012 at 3:35 PM #

    conheço um caso muito triste , uma mãe sai para trabalhar , e deixa os filhos sozinhos , um tem 12 e a outra tem 9 , e os amiguinhos do menino tentou estuprar a menina , e a mãe simplismente não fez nada , e ela sai e não deixa comida pronta , e as crianças ficam com fome ate as 18:00 , que é a hora em que a mãe chega , e a menina so vai a escola , quando alguem leva , e o irmão dela , so quer saber de rua ficar empinando pipa , e a menina fica em casa sozinha , agora imaginem se acontece uma disgraça , isso é uma falta de amor com uma criança , a menina é muito mal cuidada, vive com fome , e mão não tem coragem de pagar alguem para cuidar das crianças , e o menino começou a roubar , roubou umas bebidas , da casa do vizinho dele , e a mãe dele não fez nada , isso é um absurdo , é uma injustiça , eu preciso muito que o conselho tutelar vá a casa dessa menina , mais não tenho coragem de denunciar , por isso peço a ajuda de voçeis , por favor me ajudem a denunciar essa mãe que não mereçe nem ser chamada de mãe , porque mãe cuida e ela não ta cuidando .
    cidade: são paulo-sp
    endereço: rua Crestins , cep: 05792-060 , bairo jd rosana .
    vamos fazer uma campanha para que essa mãe perca a guarda dos filhos .

  43. Joaquim 22/01/2013 at 1:49 PM #

    Prezados Senhores. Em dezembro/2012 minha filha de 16 anos (que está sob a guarda da mãe) fugiu de casa e foi se prostituir. Indago: 1) posso mover um processo de deserdação contra esta menor? 2) posso pedir exoneração de alimentos, pelo péssimo comportamento dela ? 3) posso mover alguma ação contra a mãe dela, por abandono, desleixo e negligência? Grato.

  44. Sumaya 29/01/2013 at 1:03 PM #

    As pessoa que têm dúvidas procure o conselho tutelar mais próximo da residência da pessoa que vc quer denunciar, e se informe como proceder.

  45. lorraine bento da silva 02/03/2013 at 11:22 AM #

    ola?meu nome é lorraine tenho 14 anos de idade e tenho um filho de 10 meses .perdi meu filho injustamente o conselho tutelar me tomou ele quando ele tinha 4 meses de vida e levou ele para a casa de abrigo meu filho,estava bem cuidado naum passava fome,naum passava frio,e nem necessidades e msmo assim me tomaram ele por causa de denuncias caluniosas de pessoas que naum tem o que faser hoje perdi a guarda do meu filho por causa dos vagabundos dos conselheiros tutelares daqui da cidade onde moro.

  46. lorraine bento da silva 02/03/2013 at 11:34 AM #

    peço a vcs que me ajudem a ter meu filho de volta pois é muito triste viver longe dele aqui naum tem justiça para o lado da gente pois ele vem toma e leva sem prova nem uma quero meu nenen de volta por deus quem passar por aqui e ler esse comentario me ajude to sofrendo muito.o pai da crianca chama jucivanio e nunca dxou faltar nada para a crianca por isso foi e esta sendo uma injustiça o que eles estaum fzendo aqui em riolàndia (sp).me ajudem!

  47. lorraine bento da silva 02/03/2013 at 11:41 AM #

    os conselhiros sao ,andréia,lucinéia,leida araujo,rosangela !eles naum ajudam a gente em nada só prejudica a gente meu nenem é a coisa mais linda hj eu naum posso ver ele pois fui proibida pelo meretissimo juiz e pelo promotor a unica conselheira boa eles tirou de la era a Camila pois ela tinha educaçao para chegar nas casas das pessoas e eles naum tem por isso necessito da ajuda de vcs moro em riolandia av:25n:1150 por deus me ajudem!

  48. iolanda fernandes de oliveira 26/03/2013 at 1:05 PM #

    trabalho de 18h as 000 hora todos os dias e deixo minha filha vendo tv algum problema?? ela tem 10 anos??? posso perder a guarda dela?

  49. Elainy 29/03/2013 at 6:46 PM #

    Eu preciso de ajuda sou mae de 4 crianças 2 meninos 12 e 9 anos e duas meninas 10 e 1 ano meu marido trabalha a noite e dorme de dia oq me deixa nervosa e que meus 2 filhos so querem ficar na rua eu vou atras dles trago pra casa eles voltam pra rua vao atras de raia eu tenho medo e to cansada de andar o dia inteiro atras deles so eu meu marido reclama de ir atras ele que dormir nao quero que tire eles de mim mas que eles levem um susto para nao sair mais pra rua oq faço?

  50. André 24/04/2013 at 9:35 AM #

    Bom dia!
    Gostaria de saber qual a diferença entre quem deixa uma criança no carro e sai, e quem larga o filha na porta da casa de alguém ou numa rua?

  51. alex 15/06/2013 at 1:13 PM #

    minha duvida e a seguinte.
    se uma mae deixa o filho com os avos ou otra pessoa da familia dela ou do ex marido, e considerado abandono de incapaz

  52. jessica 30/08/2013 at 4:01 PM #

    conheço um homem que esta ajudando uma menina de 15 anos que teve um bebe a familia dela a expulsou de casa e ele pra nao vela na rua com a criança ele a levou pra morar com ele mas agora ele nao pode mais arcar com as despesas dela e do bebe ele quer saber oq fazer pra tirar ela dos cuidados dele pois a mae dela a expulsou de casa gravida e sem nenhuma ajuda ele com pena ajudou mas agora nao pode mais arcar com despesas de criança e menina oque fazer preciso da resposta mais rapido possivel obrigado

  53. ELIANE PEREIRA 01/10/2013 at 1:36 PM #

    Gostaria de perguntar,o meu filho de 9 anos foi agredido na escola por crianças de 12 anos na hora do a cordenadora não estava presente,isso é considerado abondono de incapaz?

  54. leticia 04/10/2013 at 1:36 AM #

    olaa, minha mae disse q nao me qria mais em cs.. ai eu estou morando em uma casa de amigos meus, se eu recorrer qrendo q ela me emancipe, ja q pra tudo preciso de um responsavel , pra abrir conta em banco pra receber meu salario, pra mdar de escola pra ficar proxima de onde estou morando.. somente meu pai pode assinara emancipacao, ou ela msm tendo me abandonado, nao liga nem pra saber se to viva ou morta , tem q assinar tbm? ou nao é considerado abandono? ela tem q assinar tbm?

  55. Izabel 02/12/2013 at 2:35 PM #

    Se por um acaso a mãe deixar a filha de 15 acompanhado com o filho de 18 que passa o dia na rua não estuda e não trabalha o que pode acontecer ???

    Agradeço desde já !

  56. J M N 05/12/2013 at 12:17 PM #

    me mudei para sp e tenho um filho de 9 anos o qual nao quis vir comigo pois quis estar com o pai e axei melhor deixa-lo para terminar o ano pois ele estava em provas mas combinei com o pai q o buscaria no final de ano mas o trato foi feito verbalmente, e descubro q ele quer usar comigo o abandono pelo tempo q estou longe do meu filho ate mandou um papel para eu assinar dando o direito dele assinar e responder por qualquer responsabilidade sobre meu filho pelo fato de eu morar em outro estado mas nao assinei.Queria saber mesmo eu entrando sempre em contato com ele e aguardar ate o fim do ano para busca-lo posso ser acusada de abandono de incapaz?Sendo q o deixei com a parte responsavel q é o pai dele, isso me classifica como icapaz de cuidar do meu filho isso garante q eu perco meus direitos como mae sobre ele??? se eu o buscar em dezembro ele pode abrir alguma ação contra mim como sequestro ou algo assim?

  57. Carol 11/12/2013 at 12:20 AM #

    Oi, a minha mãe tem problemas mentais,ela mora em SP mas esta temporariamente comigo no interior de SP, tive uma discussão com minha irmã e eu disse que não queria mais minha mãe aqui em casa, ela me disse q iria me processar por “abandono de incapaz” se eu não mandar um tanto de dinheiro por mês pra ela.
    Gostaria de saber se esse processo confere, pois eu não trabalho, não tenho um salario quem trabalha é só o meu marido.Ela poderia me processar por isso?

  58. Carol 11/12/2013 at 12:22 AM #

    Só pra deixar claro, é a minha irmã que quer me processar!

  59. kelly 18/12/2013 at 3:42 PM #

    Olá, preciso de esclarecimentos, minha irmã tem 22 anos e teve uma filha que hoje tem 10 meses, mas infelizmente minha irmã é muito sem juízo, Ela mora com a minha mãe meu padrasto, e agora os 3 filhos do padrasto e um neto de 1 mês que é da filha dele de 16 anos.
    A minha irmã falta muito do emprego vive perdendo emprego.
    E sai muito, fica uns 3 a 4 dias fora, não da noticias e nem pergunta da filha pq sabe que está com a minha mãe.
    A minha dúvida é, minha mãe consegue a guarda da minha sobrinha mesmo a minha irmã não aceitando?
    Porque como minha irmã já tem 22 anos e quer levar uma vida perdida, minha mãe queria mandar ela ir morar em outro lugar, já que ela mal fica na casa para ver a filha dela.
    Mas minha sobrinha não pode ir embora com a minha irmã, pq temos certeza que ela deixaria com qualquer um.
    Tenho medo de procurar o conselho tutelar e minha sobrinha ir para um abrigo.
    Como ficaria a guarda da minha sobrinha?
    Eu não tenho casa própria mas moro e vivo melhor, sou casada a 8anos. Caso minha mãe não possa ficar com a guarda da minha sobrinha eu posso ficar com ela?
    O que pode ser feito?
    Minha sobrinha não tem o nome do pai no registro e nem sabemos quem é!

  60. lucas 24/01/2014 at 10:54 AM #

    ola teho uma grande duvida sou casado tenho um bb.de 7 meses a minha mulher que i em bora e deixa ele com migo o que devo fazer faso um bo quando ela sair de abandono de menor aguardo resposta obriado

  61. MARILENA GUEDES FERNANDES 06/02/2014 at 6:01 PM #

    Prezados Senhores, gostaria de saber, se numa casa a onde o proprietário cria animais, como gatos e cachorros, e o mesmo vende sua propriedade e sai e deixa esses animais abandonados, passando fome e frio e pertubando os vizinhos , é abandono de incapaz? se eles estão sem acompanhia do seu dono.?

  62. Carla 04/05/2014 at 5:55 PM #

    Minha situação é a seguinte: sou casada e meu marido tem um filho comigo e uma filha de uma outra pessoa. A Filha dele tem 13 anos e mora c a mãe. A mãe foi embora p os EUA e a proncip não tem data p voltar, vai morar lá e além de não avisar isso p meu marido pai da filha dela ficamos sabendo por acaso deixou a menina c a tia e avó. Queria saber se tendo um pai bem presente ela não teria que informar isso e passar. Guarda p ele na ausência dela? Pode considerar abandono de incapaz? E ele pode pedir a guarda da filha já que a mãe foi morar no exterior? Mas a mãe nunca será citada pois não temos nenhuma informação de onde ela se encontra exatamente. aguardo urgente.

  63. Thamires 09/07/2014 at 11:26 AM #

    O que posso fazer se a mãe da namorada do meu filho a expulsar de casa por não aceitar o namoro dos dois e eu a acolher? (Ela é menor de 17anos e ele tem 22, e eles já tiveram relações sexuais)

  64. Ruthy 13/07/2014 at 1:09 PM #

    Ola, cuido do meu sobrinho de 3 anos des do nascimento dele. Eu minha mãe e minha irmã..
    a minha mãe trabalha e nos sustenta pq ando desempregada e como não tinha conseguido por ele na creche, ai cuido dele. Mais agora ele ja esta na creche e ja posso procurar emprego, a mãe dele o abandonou para trabalhar em uma casa de prostituição,o pai está preso q venha ser meu irmão infelizmente!
    Agora a fulana o quer de volta, mais eu minha mãe e minha irmã queremos a guarda dele.
    oq podemos fazer para pegar a guarda dele?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 1.635 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: